terça-feira, 13 de setembro de 2011

Chega logo, amor!


Canto amor! Canto teu nome que nunca esqueci
Ainda te sinto o perfume, teus beijos ardentes,
Pena querida, que mesmo assim, nunca te vi
Talvez por isso eu e minha alma sejamos carentes

Te chamo, grito teu nome que nunca ouvi
Sinto teu corpo quente e macio bem perto de mim
Que por vezes até juro que contigo vivi.
Quem é você? Que me toma os sonhos e não conheci?

Será que é loucura? Ou será um desejo qualquer?
Será que você é um sonho perdido dentro de mim?
Ou será que você é, na verdade, um anjo-mulher

Voando no espaço procurando por mim? Ou brincando
De me ensinar a sentir o doce prazer de esperar?
Mas vem querida, chega logo, preciso te encontrar.

José João



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...