sexta-feira, 25 de maio de 2012

Só a saudade não vai


Na vida me  foste bem mais que apenas mulher
Foste amada, foste amante, foste sonho e razão
Entraste em mim pelo destino e na alma tu chegaste
Dela, como se toda tua ela fosse de mim tu me tomaste

Não há idade no tempo, o amor pode nascer e logo ir
Não mandamos no destino nem em nossos corações
Talvez tudo já esteja escrito, até mesmo o amar-se tanto
Quem sabe quando ele nasce já com ele venha o pranto?

Não adiante pedir, negar, esconder-se, nem até mentir
Não adianta fingir, nem correr, nem voar, nem fugir
Quando se vai o amor, só a saudade com ele não pode ir

Fica como se a vida precisasse, para viver, de alguma coisa
Que parecesse um pedaço daquilo que se foi, e a saudade...
Esta não fica em pedaço, fica toda, como se fosse eternidade


José João




2 comentários:

  1. Como sempre e não poderia deixar de ser, uma bela poesia para encher o dia de ternura.

    ResponderExcluir
  2. Tecnologias Educacionais, obrigado pela visita. Volte mais vezes. Um abraço

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...