sábado, 28 de dezembro de 2013

Tu. O pedaço vivo de mim

Meus pensamentos voam desesperados à tua procura,
Meu corpo treme em convulsões a dor da tua ausência,
Corro procurando nos sonhos, naqueles que sonhei contigo,
Um pouco de ti. Um pedacinho de teu perfume, que seja.
Um resto de sorriso, o pedaço de um olhar perdido
Que o tempo tenha deixado ficar. Recolho fragmentos,
Como se fossem pedaços de mim que insistem
Em ficarem vivos nos sonhos perdidos  que se foram
Com o adeus que até hoje o silêncio grita.
Minha alma silenciosa, deitada no colo da saudade,
Busca angustiada, em perdidos caminhos, as marcas
Que talvez tenhas deixado...mas o tempo dever ter
Apagado, ou talvez a solidão. Meu coração pulsa
Como se gritasse teu nome em doloridos lamentos...
Meus olhos brincam de brilhar indo buscar lágrimas
Que a alma havia guardado só pra ela. Só ela queria
Chorar essa tua falta, como se quisesse poupar de mim
Essa tanta dor, que transforma palavras em soluços,
Pensamentos em angustias e viver um  pesadelo.
Quem dera um dia ouvisses o mundo te falar,
Ele te diria que o único pedaço vivo de mim...És tu.


José João
28/12/2.013



Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...