terça-feira, 4 de junho de 2013

Até na saudade existe encantos

Estou só. O amor brincou de me enganar outra vez
Agora não sei como ficamos. Eu e esse meu coração
Que tantas vezes se entregou sem pudor e sem reservas
Viveremos outro amor, ou a loucura de uma outra ilusão?

A alma espreita, temerosa, pelos tantos prantos chorados
Se enche de dúvidas, não diz nada, fica parada no tempo
Ma a solidão se faz forte, ela sente, reclama em silêncio
A solidão dói, mas a dor de um adeus não se vai ao vento

A saudade me busca  momentos que pareceram sonhos
Por eles,metade de mim diz baixinho: Vai, ama outra vez
Mas a outra metade grita: Já esqueceste o que o amor fez?

Te deixou os olhos tristes, a alma vazia, caída entre prantos
Te deixou acordado nas noites, entre angustias e temores,
Vale a pena, diz o coração, até na saudade existe encantos


José João
04/junho/2.013









Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...