quarta-feira, 25 de abril de 2012

Sejas o que preciso


Não ser aquilo que quero que me sejas
Seja talvez, aquilo que preciso que me sejas
E sendo o que preciso que me sejas
Não precisa que me sejas
Aquilo que quero que me sejas.
Sendo o que preciso que me sejas
É ser parte do que preciso pra viver
Se fosses aquilo que quero que sejas
Serias apenas vaidade do meu ser.
Diria: És o que quero que sejas
E tanto serias que ti cansarias de ser
Eu me cansaria, portanto, de apenas querer,
Mas se preciso do que sejas
Precisar já é sentir falta do que sejas,
Sentir falta do que preciso que sejas
Já é ti sentir faltando em meu viver

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...