segunda-feira, 8 de julho de 2024

Flores, cálice e lágrimas.

Havia um pequeno jarro sobre a mesa
Um jarro sem cor, cheio de lágrimas
Eram as lágrimas tristes, choradas, 
Eu acho, que por muita saudade,
Na verdade, mais parecia
Um pequeno cálice
ou uma taça?
um copo!
Em um 
jarro
teria
rosas
lírios
zinia
cravo
dália
lótus
Mas lágrimas! Num jarro
Quem choraria tanto assim?

José João
08/07/2.024

Um comentário:

  1. Sempre inspirado poeta. Adorei como sempre. Estou voltando ao meu blogue. Um beijinho da Sonhadora

    ResponderExcluir