sábado, 18 de janeiro de 2014

Uma rosa para Maria

Quero uma rosa, mas uma rosa que seja perfeita
De pétalas únicas, aveludadas, perfumadas,
Mas não com qualquer perfume. Que seja
Um perfume criado pelos deuses, e que a beleza...
Tenha sido bordada por um artesão divino.
Quero um rosa que as pétalas se façam eternas,
Não se desprendam, não murchem, e que o perfume
Se faça de sempre, até além de qualquer tempo.
Quero uma rosa tão bela que faça a rosa de Kandubul
Sentir-se pequena, que faça a orquídea de Shenzhen
Sentir-se rubra ao ver-se menos bela.
Uma rosa que se faça um sonho por ser tão perfeita.
Que desperte nos corações a doçura de sentir saudade,
Que faça do "rascunho esquecido entre a vida e a morte"
Uma poesia onde a vida pule em suas pétalas frescas,
Vivas como sorrisos coloridos de um amor sereno e eterno,
Tão forte quanto o infinito. Quero uma rosa assim,
Perfeita, que nunca se faça sombra, 
Porque sobre o peito em que adormecer haverá sempre
Um coração a gritar ao tempo o amor que ainda sente.
E pelo divinal querer do deus das rosas, por milagre, talvez,
 Fez da Rosa poesia  e lhe deu o nome de Maria



José João
17/01/2.013












2 comentários:

  1. Meu querido amigo

    A distância pode separar dois olhares...mas não dois corações de poetas e eu fiquei emocionada com o carinho e doçura que se desprende de cada palavra, como se fosse uma brisa suave a afagar a minha alma e beijar o meu coração.
    Em palavras digo apenas OBRIGADA pela pessoa sensível que és.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    http://www.youtube.com/watch?v=Ed9AdlT_LzQ&list=FLh0rjPkAq_uMA0dtq_ksofA

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...