quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

A loucura de um amor

Deixa-me pelo menos chorar em teus braços
Pelo amor que não me dás. Deixa que minhas lágrimas
Lavem teus pés com a ternura de minha alma
Que se entrega toda aos impossíveis sonhos contigo.
Não me deixes ir sem um teu olhar que levarei
Como lembrança pelos caminhos que, sozinho,
Terei que percorrer, levando apenas o gosto de ti
No perfume que a brisa ao te abraçar roubou,
E por piedade me deu como se fosse um pedaço de ti.
Deixa que teus cabelos, na dança com o vento,
Me toque o rosto como carinhos que jamais senti,
Deixa que minha alma se envolva com o frescor 
De tua beleza e que com ela, caminhe pelas noites,
Ou me deite ao relento buscando sonhos e ilusões
Que me farão dormir como criança no colo da mãe.
Vou deixar que fiquem meus rastros pelos caminhos
Por onde eu for, na esperança, embora vã,
Que me encontres um dia e me dê um olhar 
Ainda que de piedade, um sorriso, ainda que seja
O resto de um que já tenhas dado para alguém.


José João
29/01/2.014





2 comentários:

  1. Poeta, um poema lindo, porém triste. Bj

    ResponderExcluir
  2. GRANDE JOSÉ JOÃO MEU AMIGO PARCEIRO E DE QUE SOU FÃ !!! LINDO É MUITO POUCO !!! RARA BELEZA !!! " DEIXA QUE MINHA ALMA SE ENVOLVA COM O FRESCOR DE TUA BELEZA " !!! É POETA !!! FALA SERIO !!! DEMAIS !!! JOSE !!! ESTA TUDO PRONTO HOJE A TARDE VOU MANDAR PRO youtube SÓ PRA PODER TE ENVIAR POR e-mAIL !!! ACHO QUE VAIS GOSTAR !!! A VAIS SIM !!! KKK !!! GRANDE AMIGO DESCULPE PASSEI POR UNS MOMENTOS RUINS !!! MAIS JÁ ESTOU BEM VIU !!! VOLTO A PARTIR DE HOJE A VISITAR VOCÊ E NADIA !!! TAVA COM SAUDADE VIU E COM UM POUCO DE VERGONHA POR TER ATRASADO !!! NAS COMPOSIÇÕES !!! MAS VAMOS SEGUIR E FRUTOS VÃO VIR !!! UM GRANDE ABRACO Pedro Pugliese

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...