sábado, 6 de janeiro de 2018

Preciso de um sonho

Preciso de um sonho. Todos os meus se foram,
Foram embora por caminhos que não sei,
Buscando quem nunca vi e nem sei se existe.
Com eles só não foram os soluços e lágrimas, 
Porque não sabem voar, mas até tentaram...
Os soluços, como arremedo de voz, coitados
Não se fizeram eco para ir ao vento gritando
Minhas angustias. As lágrimas, como loucas
Suicidas, saltavam dos olhos como desesperados
Gritos da alma que morriam sufocados
No silêncio denso do tempo que insistia
Em não passar. Preciso de um sonho, desses
Que ficam dentro da gente como se fossem
Acontecer a qualquer hora, desses sonhos
Que parecem com esperança, que se espera
Para amanhã, para logo mas...nunca vem


José João
06/01/2.017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...