sábado, 20 de agosto de 2011

Viver sem sofrer? Como?

Oh! Saudade que me alivia a dor
Com pequenos pedaços de perdido sonhos
Que de longe me chega cavalgando o tempo
Tímidos. lentos mas sempre risonhos

Que me trazem um tempo ou a ele me levam
Em brigas sutis com o esquecimento
Como se estar vivo fosse sempre lembrar
Assim, como se viver fosse sempre sonhar

Me vêm com o sonhos, pedaços de mim
Um dia arrancados por mero prazer
Agora me chegam como se a vida diessesse
O que até o destino se esqueceu de dizer

Que tudo é preciso e se tem que sentir
Chorar ou sorrir é resumo do próprio viver
Bem alto nos fala e não guarda segredo
Que impossivel é a vida sem ter um sofrer

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...