quinta-feira, 19 de abril de 2018

Desculpa por te amar assim

Desculpa se não consigo calar, se tenho que gritar
Ao mundo que te amo, que sou teu, todo e sempre.
Desculpa se te deixo ocupar todos os meus pensamentos,
Todas as minhas horas. Desculpa se todos os meus
Sonhos são teus, se todos os meus sorrisos são pra ti,
Querida, desculpa se nas orações que rezo só sei
Chamar teu nome, (que ainda nem sei) desculpa... 
Se te canso por tanto sem que nem saibas quem sou.
Dizer te amo!! Não consigo calar, meu coração
Pulsa na ansiedade de te, minha alma se agita toda,
Se faz criança alegre só em pensar um teu sorriso
Dado pra ela. Ah! Querida! Talvez não saibas ainda
Como te levo comigo, te levo dentro de mim,
Numa adoração infinda que só os amantes invisíveis,
Aqueles que amam apenas com a alma, são capazes...
Porque te faço meu caminho e minha chegada,
Te faço meus sonhos e minha maior verdade,
Porque te faço luz, te faço horizonte e... acredite,
Te faço o pedaço mais completo de mim, tudo...
Porque te amo como tu me permites que te ame
Por vezes até chorando essa falta de ti.
Sem saber onde estás ou ... quem és.

José João
19/04/2.018


Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...