quarta-feira, 18 de maio de 2016

Preciso de tua saudade

Sinto saudade, te chamo em desespero
Como se clamasse pela própria vida...
Sinto como se tudo fosse muito pouco,
E uma angustia, mais angustia que mesmo dor,
Me toma em silêncio, me invade a alma,
Me faz perdido de mim mesmo...me procuro,
Mas uma solidão, desde tua ausência, não sei
Se está em volta ou dentro de mim, tanto 
Que não me ouço nem sussurrar teu nome.,
E me desencontro dos sonhos em que estavas.
Ah! Se  soubesses o que sinto! Essa vontade
Louca de correr, gritar, gritar gritar, até a voz
Emudecer para que a alma não se faça
Mais pecadora gritando injurias e blasfêmias,
E uma tristeza, a mais triste de todas as tristezas,
Fica provocando os olhos a se fazerem fontes
De prantos, e pouco a pouco, uma, duas e outras
Lágrimas rolam em meu rosto, nele escrevem
Nossa história  que não pode ser esquecida
Porque preciso de tua saudade, preciso viver.


José João
18/05/2.016




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...