terça-feira, 29 de março de 2016

Ah! Como ainda sei sonhar!!

Sim, ainda posso sonhar, ainda posso sentir,
Ainda acho a primavera linda, as flores,
Os caminhos que levam ao horizonte...
Ainda sei dizer as palavras que a alma
Nunca esqueceu, mesmo já tanto sofrida
Mas entre sonhadora e carente sabe dizer.
Meus olhos ainda falam silenciosos 
Sentimentos ainda vivos dentro de mim,
Ainda sinto a ansiedade dos que amam,
O tremor na voz pela emoção da espera.
O tremer das mãos, o pulsar do peito,
Quando o tempo faz questão de se arrastar
Lento para que o prazer de esperar faça,
Do momento, a infinitude de uma entrega.
Ainda sei sonhar, ainda sei sentir a emoção
Da alma a tremer-se toda, em doce espera,
Sei ainda caminhar com passos lentos,
Mãos dadas, olhar perdido em outro olhar
Fazendo a mudez das palavras perfeito
Para ouvir os corações dizendo, te amo
No silêncio divino que só amantes entendem.
Ah! Como ainda sei sonhar!

José João
29/03/2.015






Um comentário:

  1. Há quem viva de sonhos...sonhos distantes, fragmentados ou mesmo perdidos. Ainda assim, precisamos ser...eternos sonhadores.Quem sabe um dia, bons ventos não mudem seu rumo?!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...