quarta-feira, 24 de junho de 2015

Para onde será que vão os anjos?!!!

Talvez eu esteja louco, não sei. Mas eu acredito...
Eu acredito em anjos...desses anjos que talvez 
Nem sejam divinos...sem asas, com inocentes
Pecados, mas com um olhar cheio de ternura...
Que fazem as palavras serem poucas e pequenas,
Que  perfumam as horas,  encantam os dias...
Fazem os momentos eternos, vivos para sempre.
Eu acredito em anjos, que têm a voz da brisa...
A doçura infinita de um sentimento cheio de beleza,
Desses anjos que deixam a alma repleta de paz,
Que não se fazem nem muito, nem pouco... 
Se fazem apenas a medida certa nos momentos...
Sabem falar e o que dizer se precisamos ouvir
Sabem nos envolver no silêncio se for preciso calar,
Se não podem  sentir a dor que se sente...tristes
Choram com a gente, nos põem no colo
Afagam nossa alma, buscam sorrisos, encantos...
Mas são anjos, nos ensinam a amar e se vão...
Não deixam rastros, se fazem sonhos...
Se fazem saudade...eternamente
(foi assim que minhas poesias ficaram tristes)


José João
24/06/2.015


Um comentário:

  1. Pois é poeta, tem muitos anjos assim por ai... Eu acredito.
    Sempre encantando com seus lindos versos. Felicidades.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...