quinta-feira, 25 de junho de 2015

Onde vou me (te) encontrar?

...Me fiz andarilho a procura de mim mesmo,
Corri entre meus sonhos, me busquei no tempo...
Voei (em pensamentos) por entre coloridos horizontes,
Fiz rota por entre estrelas...perfeito andarilho...
Sem rumo, indo por qualquer estrada, vereda...
Qualquer caminho que me levasse ainda que fosse
A lugar nenhum. Ia desafiando meus medos,
Meus anseios, sussurrando canções sem sentido,
Gritando para ouvir o eco de minha própria voz
Para que o silêncio não se fizesse senhor de mim.
Quantas vezes sentei para conversar com a noite,
Ouvir seu silêncio e lhe contar minhas histórias...
Que calada, assim como ela é, me ouvia paciente,
Até quando o alvor da madrugada começava
A esconder as estrelas, a acordar os jardins...
E lá ia eu a procura de mim...passos lentos,
Sem pressa, sentindo sem ver o amanhecer
A esticar-se ao tempo a levantar-se da noite
E tomar conta da vida. Só me importava caminhar...
Ir a procura de mim...mas sei que só te encontrando
Me encontro...onde será que estou?


José João
25/06/2.015






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...