sexta-feira, 11 de julho de 2014

Minhas... solidão e saudade

...Não fossem a solidão e a saudade a casa estaria
Vazia e eu sozinho. Não fossem a solidão e a saudade,
Meus versos não seriam versos, seriam apenas linhas
Sem forma, sem vida, não estariam brilhantes, molhados
Pelas lágrimas que correm de minha alma para os olhos,
Efusivas, cheias da vontade de se fazerem prantos
Contando minha história no silêncio de que preciso
Para ouvir meu coração chamar, baixinho, o teu nome.
A casa se faz repleta de tua invisível presença,
Que até ausência seria, não fosse te sentir dentro de mim,
Forte, gritando ao tempo que ainda és minha,
Enchendo meus pensamentos de ti e me fazendo sonhar
Outra vez com nós dois esquecendo que o impossível
Existe. A saudade parou o tempo, tudo ainda se faz
Vivo. Teus beijos, carícias, teu olhar dizendo inocente
De um amor que só tu sabias dar, me fazer teu,
Teu sorriso brincando de enfeitar teu rosto. Te vejo ainda.
Troco um olhar com a saudade e te encontro dentro dela,
A solidão se faz espaço para aninhar nó dois...e choro
Te buscando no tempo e te deixando dentro de mim.

José João
11/07/2.014



2 comentários:

  1. NOSSA! QUE POEMA LINDO... FUI AO FUNDO DO BAÚ BUSCAR LEMBRANÇAS... E RECORDAÇÕES QUE ME LEVARAM ÀS LÁGRIMAS... FOI MARAVILHOSO PODER LER TEUS POEMAS AQUI MEU AMIGO...PARABÉNS...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...