sábado, 7 de junho de 2014

Aprendi a amar eternamente

Hoje, pedi a Deus para ter você. Acordei triste
Depois de sonhar contigo. Ouvi a solidão cantando
No silêncio de dentro de mim uma musica
Que dizia teu nome em todos os versos,
Senti uma tristeza do tamanho da saudade
Que ficava agitada lá dentro de minha alma,
Querendo ser mais que uma saudade,
Querendo sair aflita dos meus olhos como lágrimas.
Hoje pedi a Deus que te fizesse voltar...
Rezei orações novas que aprendi com teu adeus,
Rezei orações antigas, que aprendi a rezar contigo,
Até milagre pedi. Como dói a dor que sinto agora!
Como dói a falta que fazes! Como dói ser tão sozinho!
Tua ausência me faz ser tão pequeno! Sinto pena de mim.
Hoje pedi a Deus que te fizesse voltar. Mas com a voz
Terna da brisa, com a doçura de quem sabe a dor
Que comprime o coração e alma, carinhosamente disse
Que não podia te fazer voltar, que os anjos veem
Só para ensinar amar e depois se vão.
Que devia me sentir feliz, pois que aprendi a amar
Eternamente. Como só a um anjo se ama.


José João
07/06/2.014



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...