terça-feira, 8 de abril de 2014

As lágrimas que meus olhos não choram mais

Jurei para  minha alma, com lágrimas nos olhos,
Que não choraria mais essa tua tanta saudade,
Fiz meus olhos prometerem a mim, convictos,
Que não chorariam mais tua saudade,
Que a brisa sussurrasse teu nome em melodias,
Que o por do sol refletisse a ternura de teu olhar,
Que a noite silenciosa trouxesse todas as lembranças
Dos ternos momentos que vivemos, que trouxesse
Os sonhos mais belos que sonhamos juntos,
Que tudo isso acontecesse, mas não choraria,
Nunca mais, tua saudade. Até mesmo quando, 
No frio da madrugada, a solidão se fizesse viva
Com toda a amargura que tua ausência me faz sentir,
Ainda assim, não choraria mais tua saudade.
Fiz promessa ao tempo, percorri outros caminhos,
Preenchi os pedaços vazios de minhas noites
Com sonhos novos, até mudei as plantas do jardim
Para nas manhãs sentir outro perfume, fiz tudo isso,
E finalmente meus olhos não choram mais tua saudade,
Essa tanta dor da tua ausência, essa tanta dor,
Minha alma agora chora nas poesias que faz,
São meus versos, as lágrimas que meus olhos
Não choram mais.


José João
08/04/2.014


Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...