quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Minha alma é livre para te procurar

Minha alma é livre. Voa por campos, por sonhos.
Voa por entre o tempo, passeia brincando pelos ontens,
Do hoje se faz passageira para o amanhã, que há muito,
Foi escrito. Minha alma, ousada e carente, sóbria e louca
Caminha por caminhos sem chão, sem rumo, apenas vai,
Como se a liberdade fosse um caminho para seguir 
Onde qualquer direção leva a algum lugar, não importa.
Faz rota nas estrelas, brinca com o luar,  
Que caminha na noite, incansável,  fabricando sonhos.
Voa com a brisa, vai além mar nos rastros da lua,
Cavalga nas ondas - minha alma é poeta - pára o vento
Para ouvir o canto melodioso do silêncio, que baixinho
Diz para o mar que a lua está apaixonada. Minha alma ouve.
Minha alma é livre...livre para ir nos horizontes, qualquer um.
Ela é livre, como são livres minhas poesias,
Que loucamente procuram os rastros que não deixaste.
Alma e poesia são livres para irem em qualquer lugar.
Desde que sempre estejam a procura de ti.
Que não sei onde está.


José João
14/06/2.013


2 comentários:

  1. Meu amigo

    Como descreveste bem a alma vagabunda do poeta, sem norte e sem rumo e desejando encontrar algo que por vezes nem sabe muito bem o quê.
    Sempre um prazer imenso ler-te.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  2. Nossa alma passeia livremente enquanto dormimos a procura de tudo que a faz feliz. Lindo! Um abraço João.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...