quinta-feira, 11 de julho de 2013

Um beijo da saudade

Nunca estou só, sempre há quem me ouça, me acalente,
Fico entre meus sonhos, pensamentos que me chegam...
Trazidos por doces carinhos de quem sempre está perto.
Agora mesmo sinto os afagos da saudade, seus sussurros,
Ela está bem aqui, ao meu lado, cabeça deitada em meu ombro
Com suas mãos macias segura as minhas, me fala baixinho,
Me manda fechar os olhos e buscar momentos que vivi,
Está tão perto que até sinto seu perfume, leve e doce.
Seus cabelos esvoaçam em mim como se fossem carícias,
Seus dedos finos percorrem meu rosto carinhosamente
Como se procurassem rastros de lágrimas caídas um dia,
Me olha nos olhos, com um olhar entre terno e triste,
Esboça um leve sorriso nos lábios finos, ternamente divinos
Encosta-os vagarosamente em meu rosto, como se fosse um beijo.
Um beijo da saudade, meu corpo treme, minha alma se entrega
Naquele marasmo de ir lá atrás no tempo buscar o que ficou
Perdido depois dos tantos adeus que, sem querer, ouvi.
Mais na frente, encostada na porta, está a solidão,
Com um olhar sarcástico, irônico, como se zombando
De mim e da saudade. Me aponta o dedo, de unhas longas,
Cortantes, e com um certo ar de crueldade me diz,
Que não adianta os carinhos da saudade, que ela, a solidão,
É mais forte, e com uma voz sibilante, como se fosse um sílvio,
Entre um gargalhar e um esganar, vaticina: Eu sempre estarei contigo.
A saudade me olha nos olhos e com uma voz  como se fosse
Uma doce canção,  me diz: Eu também.


José João
11/07/2.013





4 comentários:

  1. Nossa João, que poema lindo, tocante... fiquei sem palavras... Um bj poeta.

    ResponderExcluir
  2. Muito seu poema, caro João! Aproveitando, queria divulgar o Blog de uma pessoa que acredito ter uma escrita interessante, inteligivelmente clara e direta; espero que aprecie: http://maiaradiaries.blogspot.com.br/

    Grande abraço...

    ResponderExcluir
  3. Linda construção amigo, um canto perfeito da poesia.
    Aplausos e meu abraço de paz.

    ResponderExcluir
  4. Simplesmente lindo amigo João!
    Diante de uma paixão, com tantos sentimentos no coração...
    O corpo treme e a alma geme pelo amor!

    Beijos!
    Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...