quarta-feira, 8 de maio de 2013

Minhas estrelas.

Roubaram minhas estrelas, todas as minhas estrelas
Agora minhas noites ficaram escuras, longas e tristes
Não tenho mais estrelas para brincar de nomear
Não tenho mais as estrelas que me ajudavam chorar

Agora, nas noites fico só, sem ter amigos pra falar
Não tenho quem me ouça como as estrelas ouviam
Não posso mais ver minhas lágrimas nelas refletidas
Roubaram de mim minhas estrelas, velhas amigas

O que faria para te-las comigo! Todas aqui, de volta
As vezes me vem um raio de luar com recado delas
E a ele pergunto triste: Que foi que fizeram com elas?

Ele me responde que elas estão lá, no mesmo lugar
E que posso, mesmo nas noites frias, outra vez te-las
Que basta me afastar das solidão para voltar a vê-las


José João
07/05/2.012






Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...