sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

O cisne (homenagem)

                                          John Lennon da Silva

O palco lhe é um lago ao som divino da luz
O corpo se mexe em volteios como brisa leve
A esvoaçar no espaço a brincar, e solto flutuar.
O cisne já quase não vive mas ainda faz sonhar

Os braços se fazem asas num lento querer voar
O corpo se agita e a alma artista lhe empresta voz
A contocer-se em mudas súplicas, em doce pranto
A lhe dar na agonia lenta, sutil beleza e terno encanto

E ele, o artista, na dança se põe entre beleza e dor
Tão leve o valsar que até parece indo ao vento, ao léu
Pra ele o palco não se faz lago, é um pedaço de céu

Os braços se elevam ao alto como orações perdidas
No artista, talvez se façam, pedidos de viver o sonho
Na beleza do fazer, no palco, a dança da própria vida.


José João
08/02/2.013


Obs.: Caso o artista não concorde com a imagem
           e o texto, por favor deixe um cometário que
           humildemente excluiremos esta postagem.


5 comentários:

  1. OI JOSÉ JOÃO!
    CONFESSO QUE APESAR DE TER LIDO TRATAR-SE DE UMA HOMENAGEM, NÃO ENTENDI QUEM É O ARTISTA, EMBORA TALVEZ QUEIRAS EXATAMENTE ISTO, QUE NÃO ENTENDAMOS.
    MAS, O TEXTO É DE TUA AUTORIA, POIS O ASSINAS.
    ELE, O TEXTO, É DE UMA BELEZA QUE EMOCIONA,É MUITO LINDO, NOS LEVANDO A BAILAR JUNTO COM ESTE CISNE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/ClickAQUI

    ResponderExcluir
  2. Uma homenagem com muito carinho e ternura.
    Creio ser um dançarino da melhor qualidade.
    Parabens a voce pela criação e ao homenageado por inspirar esta leveza.
    Um abraço amigo.

    ResponderExcluir
  3. Tenho certeza que o artista da foto, o John Lennon da Silva, ficará muito feliz com tua homenagem. Quem viu o vídeo no youtube do artista dançando (na verdade, flutuando)se emocionará com sua performance, (eu vi e chorei). E seu soneto homenagem, está muito emocionante também, vc captou com muita sensibilidade toda emoção que o bailarino passa. Lindo! Parabéns a vc e ao artista, ambos, maravilhosos.

    ResponderExcluir
  4. Olá José João, desejo que tudo permaneça bem contigo!

    Fico contente por estar entre os que por lá estiveram, agradeço deveras, e assim passo por cá, agradeço e aproveitei para admirar teus belos e intensos escritos. Esta homenagem ao bailarino esta deveras expressiva, das emoções do bailarino e das tuas ao assistir o espetáculo e, com certeza o bailarino vai se emocionar com esta homenagem tão bem elaborada, parabéns!
    Sendo assim digo que daqui gostei, não vou prometer assiduidade diária, mas, sempre que eu possa estarei cá, a admirar teus belos sentimentos escritos. Desejo que você tenha em teu viver sempre esta felicidade intensa, grande abraço e, até mais!

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde, caro João.

    Na realidade, este aí sou eu.

    Isso foi gravado em dezembro de 2010, para o Show de calouros da emissora Sbt (Programa "Se Ela Dança Eu Danço"). Não cheguei a levar o prêmio, mas me abriu muitas portas, e hoje trablho com isso; é meu ganha pão...

    Belíssimo contexto, muito bom poema e obrigado pela homenagem!

    Bem, sobre o direito de imagen, não sei se precisa preocupar-se muito, depende do detentor...

    Mas, enfim, quando puder visite meu blog também.

    Um grande abraço,

    John L. S.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...