segunda-feira, 13 de agosto de 2012

O amor e minha história


Quero escrever sobre o amor,
Por que com minhas próprias lágrimas
O amor escreveu minha história.
Contou ao mundo os meus segredos,
Minhas vontades, desejos escondidos,
Em poesias que nunca escrevi
Em guardados que a alma deixava
Adormecidos dentro do tempo,
Em passados distantes, quase perdidos.
Mas o amor, esse amor
Que também faz chorar, foi busca-los
E entre dores e saudades me fazem
Buscar prantos que pensei já ter chorado.
Faz como se fosse um sentimento
Eternamente infinito enquanto existir essa dor
Lá dentro de mim, me tomando, me chamando
Para chorar outra vez. Não posso parar.
Preciso, mesmo chorando, falar desse amor
Que conta minha história em todos os momentos,
De alegrias, de solidão, de saudade ou mesmo dor,
Escrevo poesias que se perdem em corações,
Que se perdem sem serem lidas, nem sentidas
Que se perdem nas despedidas tristes
Nos olhares fugidios das despedidas dos amantes
Que se perdem nas lágrimas caídas no chão
Escorrendo por rostos lívidos pela tristeza
Que se perdem nos porquês sem respostas.
Escrevo, com minhas lágrimas, o amor,
Esse que se perde bem aí... num adeus
Que não precisava ser dito.


José João
13/08/2.012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...