quinta-feira, 31 de maio de 2012

Dizem que nasci chorando


Dizem que minha alma é triste, que nasceu chorando,
Que meu canto é pranto e que nunca aprendi cantar
Calo, porque nasci assim. Assim como qualquer nascer
Se canto prantos, é por que a vida me ensinou sofrer

Canto saudades, choro angustias, não aprendi calar
A solidão que me fala tanto e tanto me faz lembrar
Em momentos idos que a vida fez por não esquecer
Fazendo que por entre prantos fique este meu viver

Mas se nasci assim, com meu pranto sendo sorriso
De que então, a não ser  saudade, do que mais preciso?
Se tenho a dor de sempre pra chorar.Não é bom motivo?

Mas de meu canto, que dizem ser pranto, eu apenas ouço
Um leve, tênue sussurro, como se da alma fosse oração
Fervorosa, silenciosa gritando com todas as forças do coração


José João









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...