quinta-feira, 12 de abril de 2012

Soneto do amor maior




Hei  de te amar por toda vida, e ainda mais
Se outra vida me permitirem de viver
Haverei de beber no oceano do teu corpo
Todo teu gosto, todo teu sabor a meu prazer

Hei de te fazer a mais sublime e divina oração
Te farei a cada segundo um mundo de eternidade
E a te permitirei ocupares todo meu coração
Como se fosses, da vida, a única necessidade

Te farei que sintas o mundo todo a teus pés
E até me farei, se quiseres, tua estrada
Me farei que eu seja tua vontade encarnada

Te amo tanto que me atentarei ao teu sentir
Do menor desejo que possas um dia querer
Nele me transformarei só pra te fazer viver

José João

Um comentário:

  1. É tão bom amar e se entregar plenamente a esse sentimento... Vivê-lo, com toda intensidade. Maravilhoso soneto querido!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...