segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Amor, que bela poesia!


Há! Esse amor que se vai em tantas voltas
E em tantas voltas se vai,
Deixa saudades, leva sonhos, deixa dores
E sempre é amor nunca se desfaz.
Há! Esse amor de lágrimas e de cantos
A gente chora, a gente sofre,
Se derrama em tantos prantos
Mas ele sempre... cheio de encantos

Esse amor que me prometi nunca mais querer
Mas que tanta falta me faz!

José João


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...