terça-feira, 12 de julho de 2011

Um lugar apenas



Inútil essa procura desesperada.
Andei por caminhos jamais percorridos,
Entrei em corações vazios,
Acordei sentimentos adormecidos,
Flutuei no espaço, acordei estrelas,
Estive em jardins tão belos
Que nem os sonhos poderiam contar.
Ah! Quantos beijos roubei,
De lábios que quase pétalas
Me faziam sonhar?!!
Andei por muitos lugares
E jamais me senti perdido,
Mas agora, depois de tanto
O cansaço foi chegando
E minha esperança pouco a pouco
Morrendo dentro de mim,
Já não tinha certeza de encontrar.
Por vezes quando a solidão
Era mais forte e o eco do meu silêncio
Partia lentamente entre meus soluços
Achava que era eu o próprio espaço
Que tão tenazmente procurava.
Assim não me permiti mais seguir,
Não tinha mais onde ir,
Já havia encontrado tantos lugares
Onde pudesse me esconder de todos
E viver sozinho.
Mas nunca encontrei nenhum,
Em todo o universo, que pudesse
Me esconder de mim mesmo,
E da dor que sinto.

José João


Um comentário:

  1. Muito sentinda... Quantos, hj, não estão se sentindo assim, mergulhado numa solidão que parece infinita. Já estive assim, mais ela se foi e não vai mais voltar. Pq encontrei um anjo, que minha vida veio iluminar. Um bj

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...